O Dia dos Pais é sempre uma data especial que consegue reunir a família e juntar gerações. Mesmo que nossa economia ainda não esteja favorável, no Dia dos Pais 2017, os pais foram mais presenteados do que no ano passado.

Segundo o Serasa Experian, neste período, as vendas tiveram aumento de 2,5% após dois anos consecutivos de resultados negativos. Somente de sexta (11/08) a domingo (13/08), a alta foi de 1,3% em todo o Brasil. De acordo com economistas, houveram três motivos para esse aumento:

  1. A queda na inflação;
  2. A redução dos juros;
  3. Os recursos disponíveis vindos das contas inativas e FGTS.

No entanto, esses resultados mostram o mercado como um todo. Mas, e o e-commerce? Como ficou o varejo online no Dia dos Pais 2017?

 

Resultados no varejo online

 

Para que possamos ter uma ideia de como foi fora do mundo físico, nós reunimos algumas informações nossas. Assim, a partir deste ponto falaremos apenas baseado em nossos resultados internos e não do mercado como um todo.

Observamos as duas últimas semanas antes da data e percebemos que houve aumento de 5,5% no volume pago com cartões. Bem como, o número de transações via cartões que recebeu 8% de aumento.

Se comparado com o mesmo período de 2016, tivemos ótimos resultados. Nosso volume aumentou em 6,2% e o número de transações com cartões teve alta de 23,6%.

Em contrapartida, tivemos resultados interessantes quando comparamos às vendas para o Dia das Mães, deste ano. Podemos observar queda de 2,1% no volume das vendas enquanto o número de transações efetuadas aumentou 8,5%. Isso significa que os filhos fizeram mais compras para os pais, mas gastaram mais com os presentes das mães.

É bom levarmos em consideração que os resultados positivos  também são motivados pela boa experiência do usuário durante a navegação. Isso significa que, em geral, o consumidores têm tido melhor experiência de compra no mundo online devido à segurança, suporte e praticidade. Com o bom relacionamento entre e-commerce e cliente, as desistências de compra diminuem consideravelmente.

 

Setores mais procurados

 

Para esta data, os setores que mais se destacaram e receberam o maior número de compras foram:

  1. Lojas de departamento;
  2. Bebidas;
  3. Moda;
  4. Casa e decoração.

 

Em 2016, saúde e bem-estar ocupou o 3º lugar dos setores com maior número de vendas enquanto, moda foi o 4º.

Enquanto no Dia dos Pais, as cervejas e os vinhos ganharam a preferência do público, no Dia das Mães, a maior procura foi por serviços de entretenimento e as bebidas ficaram em 4º lugar.

Agora, nos resta esperar para ver se os pais e mães irão retribuir os presentes no Dia das Crianças ou se irão esperar até o Natal.

Para ficar por dentro das novidades do mercado de vendas online, siga-nos nas redes sociais: Facebook | Twitter | LinkedIn.

Bruna Medeiros

Bruna Medeiros

Formada em Comunicação Social pela ESPM, é analista de Marketing da MundiPagg.
Bruna Medeiros

Quer receber as novidades de e-commerce em primeira mão?

x