Muitas pessoas ainda não sabem exatamente como funciona um boleto bancário. Se você é uma delas, esse post vai te explicar tudo que você precisa saber.
Vamos começar falando da nova norma da FEBRABAN (Federação Brasileira de Bancos) que prevê o fim dos boletos sem registro, e o uso somente dos boletos registrados. Com previsão de entrar em vigor em março/2017, a nova regra exigirá algumas mudanças para quem trabalha com emissão de boletos.
Vamos, então, para as diferenças entre os dois tipos de boletos.

BOLETO SEM REGISTRO

O e-commerce registra alto índice de fraude com boletos sem registro quando comparado aos boletos registrados. Isso porque a falta de dados completos dificulta a identificação do comprador e, também, não há validação do CNPJ da loja beneficiária no boleto.

Quando o consumidor final faz uma compra com boleto sem registro no e-commerce, o banco só sabe da existência deste boleto no momento em que o consumidor efetua o pagamento. Por este motivo, o lojista paga apenas para o banco os boletos que já foram pagos pelo cliente.
Para o lojista saber se um boleto está pago, o banco disponibiliza para ele um arquivo de retorno que consta – somente – os boletos pagos.

A partir da nova regrada FEBRABAN, boletos sem registros só poderão ser pagos no próprio banco emissor. Se o pagador chegar em um banco qualquer para pagar um boleto que não foi registrado, ele não conseguirá efetuar o pagamento.

BOLETO COM REGISTRO

O boleto registrado possui este nome justamente porque é necessário registrar o boleto que foi gerado no banco. Assim, o banco tem ciência de que este boleto existe e, com isto, cobra pelo boleto gerado.

Os boletos com registro possuem o mesmo layout em documento do que o boleto sem registro. Contudo, no com registro é exigido o preenchimento de dados mais completos como o endereço e CPF/CNPJ do comprador. Isso diminui os riscos de fraude, uma vez que o banco consegue cruzar informações do comprador e da loja e verificar se o boleto gerado é, de fato, um pagamento para determinada loja.

Para o banco ter conhecimento de que o boleto foi criado, é necessário enviar para ele um arquivo de remessa. Este é um arquivo de texto padronizado pela FEBRABAN e pelo banco, onde cada linha representa um boleto com as informações do lojista e do comprador. No dia seguinte, o banco retorna outro arquivo bem parecido com o arquivo de remessa, o arquivo de retorno. Este contém informações se o boleto foi registrado ou não. Além disso,  quando o boleto é pago no mesmo dia (dependendo do horário), o arquivo de retorno (o mesmo do boleto sem registro) já vem com a informação se o boleto foi pagou ou não.

A grande vantagem do boleto com registro é poder realizar o protesto do boleto. Isso significa que se o cliente final não pagar, o lojista poderá protestar o boleto e garantir o recebimento do cliente final.

IMPLEMENTAÇÃO DA NOVA NORMA

A FEBRABAN estabeleceu novas datas para que todos os beneficiários tenham mais tempo para se adequar às mudanças. As novas datas para a implementação do Projeto Nova Plataforma de Cobrança são:
13/3/2017 – IGUAL OU ACIMA DE R$ 50.000,00
08/5/2017 – IGUAL OU ACIMA DE R$ 2.000,00
10/7/2017 – IGUAL OU ACIMA DE R$ 1.000,00
18/9/2017 – IGUAL OU ACIMA DE R$ 500,00
23/10/2017 – IGUAL OU ACIMA DE R$ 200,00
11/12/2017 – IGUAL OU MENOR QUE R$ 199,99

O que muda pro cliente MundiPagg:

Se você já tem cadastrado o CNPJ e afiliação com algum de nossos bancos, já pode transacionar boletos sem registro. Sua loja só precisa enviar para a nossa API o valor do boleto e pronto, terá um boleto gerado.

A Mundi já está preparada para essa mudança e temos integração das carteiras com registros nos bancos: Itaú, Bradesco, Banco do Brasil e Santander. Veja aqui como habilitar uma carteira com registro na sua loja.

Se você também tem dúvidas sobre conciliação e fluxo de boletos, veja aqui e aqui.

Para facilitar a vida dos lojistas, nossa parceira Stone lançou no dia 09/01 o Boleto Stone, para saber mais sobre suas vantagens, clique aqui.

*Por Munir Wanis – Dev da Mundi

Quer receber as novidades de e-commerce em primeira mão?

x